Decretos – DEZEMBRO

DECRETOS


DECRETOS PARA O MÊS DE DEZEMBRO

(completo)

DECRETOS PARA O MÊS DE DEZEMBRO

É chegado o décimo segundo (12º) mês do ano: Dezembro.

Por dezembro ser o último mês do ano aponta para um ciclo completo.

Entendemos profética mente que dezembro aponta para o fechamento de ciclos, etapas das nossas vidas. Por esta razão é bom nestes dias fazer uma reflexão e fechar tudo ciclo que precisa ser fechado, mas inda permanece aberto. Lembre-se que deus é um deus cíclico, e enquanto não fechamos um ele não nos introduze num novo. Esta é a razão pela que muitos dão voltas em círculos sem ver avanço nem progresso nas suas vidas. Dezembro é tempo de fechar ciclos.

Por dezembro ser o último mês do ano aponta para um mês de preparar plataforma para receber e estabelecer o novo ciclo que se inicia.

Profeticamente neste mês temos que buscar ver e ouvir o que Deus tem para este novo ciclo que se inicia. Sabendo o que Deus quer manifestar o passo agora é preparar plataforma, condições para que isto se manifeste.

Por dezembro ser o último mês do ano aponta para um mês de preparar plataforma, isto implica em buscar e desenvolver estratégias e receber revelação profética para viver o próximo ciclo que se inicia.

Por dezembro ser o último mês do ano aponta para um tempo de entrar em um novo nível de confiança e descanso em Deus.

Sabemos que Deus quer manifestar sua vontade em 2012, a isto lhe chamamos de futuro profético, para que podamos ver a manifestação de nosso futuro profético temos que entrar num novo nível de confiança e descanso. Devemos fazer a nossa parte, mas principalmente temos que confiar, depender de deus para que tudo o que temos visto e ouvido pelos olhos do Espírito se manifeste. Lembre-se que nada é na nossa força, tudo se manifesta na força do Senhor.

Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; sou exaltado entre as nações, sou exaltado na terra. Salmos 46:10.

Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós. 1ª Pedro 5:7

Por dezembro ser o último mês do ano aponta para um mês de sonhos, já que, é neste mês onde o seu futuro está sendo revelado ou alinhado.

Como falamos anteriormente Deus preparou um futuro para o próximo ano e nos temos que sonhar com a manifestação do que Deus sonho para nós. Agora sonhar no é ficar no mundo da lua, sonhar em deus significa: sonhar juntos e trabalhar para que o que deus sonho se manifeste nas vidas, nas famílias, nas nossa cidade, na nossa nação.

Por dezembro ser o décimo segundo (12º) mês do ano está ligado a tribo de Benjamin: Lobo faminto que despedaça tudo; o único filho que nasceu na terra.

Benjamim décimo segundo filho de Jacó.

Genesis 35: 18.

Já ao ponto de sair-lhe a vida, quando estava morrendo, deu ao filho o nome de Benoni. Mas o pai deu-lhe o nome de Benjamim.

Genesis 49: 27.

“Benjamim é um lobo predador; pela manhã devora a presa e à tarde divide o despojo”.

Deuteronômio 33: 12.

A respeito de Benjamim disse: “Que o amado do Senhor descanse nele em segurança, pois ele o protege o tempo inteiro, e aquele a quem o Senhor ama descansa nos seus braços”.

Os textos de Genesis e Deuteronômio definem muito bem Benjamim.

Os lobos são animais que atacam juntos, alcatéia, e com estratégias.  Isto revela que benjamim é uma tribo que atua em conjunto e em estratégia. Mas mesmo sendo uma tribo de guerra, agressiva, descansa e desfruta de segurança fornecida pelo colo do seu pai.

Quero que entenda que nestes dias necessitamos destas características. Temos que nos vestir de guerra, mas sem perder a confiança que a nossa vitoria vem do senhor e não da nossa força.

Outra coisa que me chama a atenção que ela reparte despojo. Temos que ter esta consciência que lutamos, mas o despojo é para ser repartido com o Corpo de Cristo, não lutamos para nós, lutamos pel nosso Rei e pela extensão de seu Reino.

Juízes 5: 14b.

Benjamim estava com o povo que seguiu você.

Juízes 3: 15 – 22.

Novamente os israelitas clamaram ao Senhor, que lhes deu um libertador chamado Eúde, homem canhoto, filho do benjamita Gera. Os israelitas o enviaram com o pagamento de tributos a Eglom, rei de Moabe.

Eúde havia feito uma espada de dois gumes, de quarenta e cinco centímetros de comprimento, e a tinha amarrado na coxa direita, debaixo da roupa.

Ele entregou o tributo a Eglom, rei de Moabe, homem muito gordo.

Em seguida, Eúde mandou embora os carregadores.

Junto aos ídolos que estão perto de Gilgal, ele voltou e disse: “Tenho uma mensagem secreta para ti, ó rei”. O rei respondeu: “Calado! ” E todos os seus auxiliares saíram de sua presença.

Eúde aproximou-se do rei, que estava sentado sozinho na sala superior do palácio de verão, e repetiu: “Tenho uma mensagem de Deus para ti”. Quando o rei se levantou do trono,

Eúde estendeu a mão esquerda, apanhou a espada de sua coxa direita e cravou-a na barriga do rei.

Até o cabo penetrou com a lâmina; e, como não tirou a espada, a gordura se fechou sobre ela.

Eude retrata bem um benjamita.

Juízes 20:15-16.

Naquele dia os benjamitas mobilizaram vinte e seis mil homens armados de espada que vieram das suas cidades, além dos setecentos melhores soldados que viviam em Gibeá.

Dentre todos esses soldados havia setecentos canhotos, muito hábeis, e cada um deles podia atirar uma pedra com a funda num cabelo sem errar.

Pelo que parece os Benjamitas eram canhotos. Tinham uma característica especial. Eram destros guerreiros, destros atiradores e principalmente precisos.

 

 

1ª SAMUEL 9: 1 – 27  E 1ª SAMUEL 10: 1.

Quero relatar como esta palavra chegou até mim. Buscando a direção de deus para o mês de dezembro, cheguei a este texto por se tratar de uma historia de um benjamita, descendente da tribo de benjamim o décimo segundo filhos de Jacó.

 

Havia um homem de Benjamim, rico e influente, chamado Quis, filho de Abiel, neto de Zeror, bisneto de Becorate e trineto de Afia.

Ele tinha um filho chamado Saul, jovem de boa aparência, sem igual entre os israelitas; os mais altos batiam nos seus ombros. 1ª Samuel 9:1 – 2.

Quero que entenda que entre o versículo primeiro do capitulo 9 e o versículo primeiro do capítulo 10 há uma trajetória, há passos que levaram a Saul, que aproximaram Saul de seu futuro profético.

Entendemos profeticamente como “futuro profético” algo que Deus sonho para que vivamos num futuro próximo, mas que ainda não se manifestou.

Este texto, profeticamente é riquíssimo. Este texto nos trará principio os quais nos ajudaram a preparar plataforma para aquilo que Deus quer manifestar em 2012. Quero que tenha presente que se não darmos os passos sugeridos, por este texto, teremos dificuldades de ver manifesta a vontade de Deus para os próximos dias. Entenda bem o que digo, não são os únicos, mas são princípios importantíssimos que nos ajudaram a preparar plataforma para aquilo que Deus quer manifestar.

PROCESSO

TRAJECTÓRIA

PASSOS A DAR

PRÍNCIPIOS

1ª Samuel 9:1.                                                                                                       1ª Samuel 10:1.

PASSOS QUE NOS APROXIMAM DE NOSSO FUTURO PROFÉTICO

Introdução:

 

E aconteceu que jumentas de Quis, pai de Saul, extraviaram-se. E ele disse a Saul: “Chame um dos servos e vá procurar as jumentas”. 1ª Samuel 9:3.

Este texto declara que o que colocou Saul no ponto de partida para ir de encontro a seu futuro profético foi a perda das jumentas de seu pai.

Daqui se desprendem três máximas:

1ª Máxima. Nem toda perdida foi o diabo que roubo.

2ª Máxima. Nem toda perdida é fruto da irresponsabilidade humana.

3ª Máxima. Há coisas que Deus permite que se percam para que elas nos aproximem de nosso futuro profético.

O que necessitamos entender com relação à perda que Deus usou a perda como isca para conduzir Saul a seu futuro profético.

Nestes dias temos que usar a força, o vigor, a garra, o entusiasmo que usamos para encontrar o que temos perdido para que nos conduza ao encontro de aquilo que ainda não temos vivido. Foi assim com Saul, a força que aplicou para encontrar as burras perdidas de seu pai o levaram de encontro a Samuel, o homem de Deus, o qual carregava seu futuro profético.

Animo-lhe a que nestes dias aplique a força da busca para que o leve a seu futuro profético.

1. Primeiro passo: Estar baixo autoridade. (3 – 5).

 

E aconteceu que jumentas de Quis, pai de Saul, extraviaram-se. E ele disse a Saul: “Chame um dos servos e vá procurar as jumentas”.

Eles atravessaram os montes de Efraim e a região de Salisa, mas não as encontraram. Prosseguindo, entraram no distrito de Saalim, mas as jumentas não estavam lá. Então atravessaram o território de Benjamim, e mesmo assim não as encontrou.

Chegando ao distrito de Zufe, disse Saul ao seu servo: “Vamos voltar, ou meu pai deixará de pensar nas jumentas para começar a preocupar-se conosco”. 1ª Samuel 9: 3 – 5.

Este primeiro passo é importantíssimo e revelador. Saul tinha um pai e estava baixo suas ordens. Estar sujeito ás autoridades é chave no processo que nos aproximará e destravara nosso futuro profético. Aprendo com a declaração do centurião, em Mateus 8, que só pode exercer autoridade quem está sujeito a ela. Pessoalmente penso que esta é a razão pela que muitos cristãos com chamado e potencial não conseguem decolar na sua chamada ministerial. Para que poçamos destravar nosso destino profético é importantíssimo que nos movamos baixo este princípio. A aplicação deste princípio é amplio e deve ser vivido em todas suas esferas. Lembre-se que os pais espirituais, os líderes, os pais, os professores, a policia nas ruas… são autoridades. Viva este princípio na sua vida, e ele o encaminhará a seu futuro profético.

 

2. Segundo passo: Consciência que Deus é um Deus profético e que se manifesta profeticamente. (6).

 

O servo, contudo, respondeu: “Nesta cidade mora um homem de Deus que é muito respeitado. Tudo o que ele diz acontece. Vamos falar com ele. Talvez ele nos aponte o caminho a seguir”. 1ª Samuel 9:6.

 

O texto relata que o criado de Saul lhe informou que nessa cidade vivia um profeta que respaldado por Deus. Nesse momento é ativada a consciência profética de Saul. Nestes dias temos que ser ativados na nossa consciência profética. Necessitamos resgatar esta verdade: Deus é um Deus profético e se manifesta profeticamente.

Conscientes desta verdade temos que lembrar-nos que Deus escreveu no seu livro todos os dias das nossas vidas.

Nestes dias temos que pedir-lhe ao Espírito Santo que nos revele o que Deus escreveu com relação as nossas vidas para 2012. ¡Seja ativado na sua percepção profética!

 

3. Terceiro passo: Viver baixo o princípio de honra. (7 – 10)

Saul disse a seu servo: “Se formos, o que poderemos lhe dar? A comida de nossos sacos de viagem acabou. Não temos nenhum presente para levar ao homem de Deus. O que temos para oferecer? “

O servo lhe respondeu: “Tenho três gramas de prata. Darei isto ao homem de Deus para que ele nos aponte o caminho a seguir”.

( Antigamente em Israel, quando alguém ia consultar a Deus, dizia: “Vamos ao vidente”, pois o profeta de hoje era chamado vidente. )

E Saul concordou: “Muito bem, vamos! ” Assim, foram em direção à cidade onde estava o homem de Deus. 1ª Samuel 9:7 – 10.

Estes versículos não nos falam de dar presentes AOS HOMENS, estes versículos nos falam de HONRA. Se tomarmos atenção nos daremos conta que HONRA é algo perdido nos nossos dias. Eis aqui a importância destes versículos e deste principio.

Definição de honra:

Valorização, algo valioso, precioso, de peso.

Apreciação, estima, olhar favorável, respeito.

 O antônimo de honra é desonra.

Desonra significa:

Não demonstrar respeito ou valor.

Tratar como comum, ordinário, servil.

Algo comum, superficial, e de algo que nos desfazemos facilmente, como vapor.

Uma forma mais pesada de desonra é ser tratado de modo vergonhoso, e até ser humilhado.

A honra pode ser demonstrada com uma atitude, uma palavra e até um pensamento.

O primeiro aspecto que quero que analisemos é com relação a dar HONRA A DEUS.

 Aqui quero dizer que:

Que quando não demonstramos temos, respeito a Deus o estamos desonrando.

Quando tratamos Deus como um deus comum, ordinário, servil, o estamos desonrando.

Quando tratamos Deus como algo comum, superficial, como um produto de consumo que depois de usado nos desfazemos facilmente, o estamos desonrando.

Quando damos mal testemunho e com nossas atitudes trazemos vergonha ao nome de Deus, o estamos desonrando.

Honre o Senhor com todos os seus recursos e com os primeiros frutos de todas as suas plantações… Provérbios 3:9

Quero que saiba que dízimo, oferta, primícias é uma questão de HONRA.

Quero que saiba que se você é infiel nos seus dízimos, nas suas ofertas, nas suas primícias, esta desonrando a Deus.

Segundo aspecto é com relação devida aos homens. O principio de honra é muito abrangente, aqui veremos alguns aspectos só.

Honra no lar.

Lembre-se que o primeiro mandamento com promessa é: Honrar pai e mãe.

Maridos honrem a suas consortes e filhos.

As consortes honrem a seus consortes e filhos.

Filhos honrem a seus pais.

Honremos os mais velhos.

Na sociedade.

Honremos as autoridades estabelecidas.

Honremos os professores.

Honremos os policias na rua.

Honremos as crianças.

Na igreja.

Honremos as autoridades constituídas.

Honremos os nossos irmãos.

Honre os que um dia te ajudaram.

A honra é uma chave poderosa que destrava nosso futuro profético. Nunca esqueça que Deus honra aqueles que o honram, e que devemos honrar todos aqueles que são merecedores de honra.

Plante neste dias uma semente de honra para que possa ser honrado.

4. Quarto passo: Andar alinhado com o tempo de Deus (Kairos). (11 – 13)

Ao subirem a colina para chegar à cidade, encontraram algumas jovens que estavam saindo para buscar água e perguntaram a elas: “O vidente está na cidade? “

Elas responderam: “Sim. Ele está ali adiante. Apressem-se; ele chegou hoje à nossa cidade, porque o povo vai oferecer um sacrifício no altar no monte.

Assim que entrarem na cidade, vocês o encontrarão antes que suba ao altar no monte para comer. O povo não começará a comer antes que ele chegue, pois ele deve abençoar o sacrifício; depois disso, os convidados irão comer. Subam agora e vocês logo o encontrarão”. 1ª Samuel 9:11 – 13.

O texto nos fala que Saul e seu criado vão de encontro ao profeta Samuel. Em outras palavras Saul vá alinhar-se com Deus e com aquele que é portador, a chave que destravará seu futuro profético.

Em outras palavras estar alinhado é estar no tempo e no lugar certo fazendo as declarações certas.

Aqui gostaria de introduzir um texto que penso ser muito esclarecedor.

O servo, Eliezer, partiu, com dez camelos do seu senhor, levando também do que o seu senhor tinha de melhor. Partiu para a Mesopotâmia, em direção à cidade onde Naor tinha morado.

Ao cair da tarde, quando as mulheres costumam sair para buscar água, ele fez os camelos se ajoelharem junto ao poço que ficava fora da cidade.

Então orou: “SENHOR, Deus do meu senhor Abraão, dá-me neste dia bom êxito e seja bondoso com o meu senhor Abraão. Gênesis 24:10-12.

O capítulo 24 de Gênesis relata o pedido de Abraão a seu servo Eliezer, este pedido consistia em ir buscar uma esposa para se filho Isaque. O servo se colocou a caminho para cumprir o que seu senhor lhe tinha pedido.

Ai o texto declara que chegou num lugar Ao cair da tarde, quando as mulheres costumam sair para buscar água. Isto nos revela que ele chegou a certa hora do dia.

Segundo aspecto interessante é que ele fez os camelos se ajoelharem junto ao poço que ficava fora da cidade.

Junto ao poço nos revela que, ele se posicionou num lugar determinado.

Terceiro aspecto é que no tempo e no lugar certo ele fez a declaração (oração) certa.

Agora o versículo 15 me declara que Antes que ele terminasse de orar, surgiu Rebeca, filha de Betuel, filho de Milca, mulher de Naor, irmão de Abraão, trazendo no ombro o seu cântaro.

Eu gosto muito desta expressão: Antes que ele terminasse de orar!

Sabe que isto significa:

Primeiro: que alinhamento significa estar no tempo certo, no lugar certo e fazer as declarações certas.

Segundo: Que quando estamos baixo o tempo certo, no lugar certo e fazendo as declarações certas a resposta demora muito pouco em chegar. Não sei se você percebeu, mas Rebeca a donzela que traz o cântaro no ombro é a resposta que Eliezer esperava e o futuro profético de seu senhor Isaque.

É por esta razão que necessitamos alinhar-nos com o tempo de Deus, chegar ao lugar estabelecido por Deus e fazer as declarações que o espírito trazer a nosso espírito.

5. Quinto passo: Obediência total. (14 – 20)

Eles foram à cidade e, ao entrarem, Samuel vinha na direção deles a caminho do altar no monte.

No dia anterior à chegada de Saul, o Senhor havia revelado isto a Samuel: “Amanhã, por volta desta hora, enviarei a você um homem da terra de Benjamim. Unja-o como líder sobre meu povo Israel; ele libertará o meu povo das mãos dos filisteus. Atentei para o meu povo, pois seu clamor chegou a mim”.

Quando Samuel viu Saul, o Senhor lhe disse: “Este é o homem de quem lhe falei; ele governará o meu povo”.

Saul aproximou-se de Samuel na entrada da cidade e lhe perguntou: “Por favor, pode me dizer onde é a casa do vidente? “

Respondeu Samuel: “Eu sou o vidente. Vá na minha frente para o altar, pois hoje você comerá comigo. Amanhã cedo eu lhe contarei tudo o que você quer saber e o deixarei ir.

Quanto às jumentas que você perdeu há três dias, não se preocupe com elas; já foram encontradas. E a quem pertencerá tudo o que é precioso em Israel, senão a você e toda a família de seu pai? ” 1ª Samuel 9: 14 – 20.

 

Saul esta chegando ao final de sua missão, as jumentas perdidas foram encontradas. Este passo é muito importante, Saul chega ao final da missão que seu pai lhe encomendou.

Obediência radical e total é um principio necessita ser resgatado nos nossos dias. Quantos de nos temos dificuldades para obedecer até o final? Quantos de nós temos dificuldade em terminar o que começamos?

Vejo com tristeza como começamos a ler livros que não legamos ao fim. Cursos que ficam pela metade. Casas que não se terminam. Quero que possamos entender que para que possamos ver nosso futuro profético manifestado temos que obedecer até o final.

Aqui creio que se faz oportuna a seguinte pergunta: Que Deus lhe tem pedido, e você ainda não obedeceu por completo? Saiba que Deus está esperando que você conclua, em obediência total, o que ele lhe pediu fazer para que ele lhe possa dar o segundo passo. Se não cumprimos o primeiro passo ele não nos revelará o segundo, pense nisto!

6. Sexto passo: Crer e praticar atos proféticos. (21 – 24)

Saul respondeu: “Acaso não sou eu um benjamita, da menor das tribos de Israel, e não é o meu clã o mais insignificante de todos os clãs da tribo de Benjamim? Por que então estás me dizendo tudo isso? “

Então Samuel levou a Saul e seu servo para a sala e deu a eles o lugar de honra entre os convidados, cerca de trinta pessoas.

E disse ao cozinheiro: “Traga-me a porção de carne que lhe entreguei e mandei reservar”.

Então o cozinheiro pegou a coxa do animal com o que estava sobre ele e colocou tudo diante de Saul. E disse Samuel: “Aqui está o que lhe foi reservado. Coma, pois desde o momento em que eu disse: ‘Tenho convidados’, ela lhe foi separada para esta ocasião”. E Saul comeu com Samuel naquele dia. 1ª Samuel 9: 21 – 24.

Samuel sabia que Deus queria fazer de Saul rei sobre Israel. E para manifestar o que ele tinha ouvido e visto faz um ato profético, dando- lhe a Saul o melhor lugar e a melhor comida. Com isto aprendo que depois de ouvir e ver o que Deus quer fazer tenho que me mover em fé, e eis aqui que entram os atos profético. Quero definir como ato profético aquilo que manifesta no mundo físico aquilo que já se manifestou no mundo do Espírito. Um ato profético manifesta na terra aquilo que já é realidade no mundo do Espírito. Outra coisa importante a dizer é que: ato profético é aquilo que desce do coração de Deus. O que sobe do coração do homem, fruto das suas emoções não passa de um “Ato patético”.

Não esqueça que fé é chamar a existência o que não se vê. Os atos profético nos ajudam a manifestar o que não se vê.

  

7. Sétimo passo: Gastar tempo com Deus e com aqueles que são retentores de aquilo que é nosso. (25 – 27).

Depois de ter descido do altar no monte para a cidade, Samuel conversou com Saul no terraço de sua casa.

Ao romper do dia, quando se levantaram, Samuel chamou Saul no terraço e disse: “Levante-se, e eu o acompanharei, e depois você seguirá viagem”. Saul se levantou e saiu junto com Samuel.

Enquanto desciam para a saída da cidade, Samuel disse a Saul: “Diga ao servo que vá na frente”. O servo foi. Samuel prosseguiu: “Fique você aqui um instante, para que eu lhe dê uma mensagem da parte de Deus”. 1ª Samuel 9:25 – 27.

 

Depois do jantar Saul e Samuel passaram tempo juntos. Isto me chama a atenção, daqui aprendo que é necessário passar tempo com Deus, em intimidade, e com aqueles que são o deposito espiritual daquilo que nos pertence. Samuel era o deposito do futuro profético de Saul. Samuel tinha ouvido e visto o que Deus queria fazer com Saul. Samuel tinha também a missão de tornar realidade, na vida de Saul, a vontade do Eterno.

Hoje em dia também é assim, há homens de Deus que carregam algo que nos pertence. Para que nosso futuro profético se manifeste em nossas vidas temos que passar tempo com Deus, tempo de intimidade, para saber discernir quem são os depósitos que carregam o que nos pertence.

Uma boa leitura e um bom mês!

Dario, um filho ao serviço do Rei e na extensão do seu Reino.


DECRETOS PARA O MÊS DE NOVEMBRO

Estamos no décimo primeiro mês do ano: Novembro.  Neste mês queremos basear nosso decreto em José, o décimo primeiro filho de Jacó.

Gênesis 30:24.

José significa Deus acrescenta, ou aquele que acrescenta.

Será um mês onde seremos acrescentados em todas as áreas da nossa vida. Durante este mês declare: É tempo de acréscimo!

Novembro é tempo de vestir-nos de precursores.

Agora, não se aflijam nem se recriminem por terem me vendido para cá, pois foi para salvar vidas que Deus me enviou adiante de vocês. Gênesis 45:5

Gênesis 45:5. Agora, nada de tristeza! E não fiquem com raiva de vocês mesmos, por me terem vendido. Deus me mandou na frente de vocês para conservar a vida, por meu intermédio.

O dicionário define a palavra “precursor” da seguinte maneira:

adj. e s.m.

Que ou quem anuncia um acontecimento vindouro.
Que ou quem vem adiante de alguém para anunciar a sua chegada.
Que ou quem é o primeiro a pregar ou a defender certas idéias, tendências ou doutrinas.

José foi um precursor, um pioneiro. Deus o envio primeiro para preparar ambiente para preservar seu proposto e seu povo.

Decreto e declaro que neste mês vira sobre nós a unção de precursor. Vestiremos-nos desta unção e abriremos caminho, espaço, para que a nossa família passe. Abriremos passo para a próxima geração. Prepararemos lugar para que aquilo que Deus determinou para que aconteça no 2012 se manifeste sobre a terra. A unção dos precursores chegou!

Novembro é tempo do cumprimento de sonhos e visões.

Certa vez, José teve um sonho e, quando o contou a seus irmãos, eles passaram a odiá-lo ainda mais.
Ouçam o sonho que tive, disse-lhes. Estávamos amarrando os feixes de trigo no campo, quando o meu feixe se levantou e ficou em pé, e os seus feixes se ajuntaram ao redor do meu e se curvaram diante dele.
Seus irmãos lhe disseram: “Então você vai reinar sobre nós? Quer dizer que você vai governar sobre nós? ” E o odiaram ainda mais, por causa do sonho e do que tinha dito.Depois teve outro sonho e o contou aos seus irmãos: “Tive outro sonho, e desta vez o sol, a lua e onze estrelas se curvavam diante de mim”.Quando o contou ao pai e aos irmãos, o pai o repreendeu e lhe disse: “Que sonho foi esse que você teve? Será que eu, sua mãe, e seus irmãos viremos a nos curvar até o chão diante de você?”. Gênesis 37:5-10

José, aproximadamente, aos 17 anos teve sonhos e visões. Demorou mais o menos 13 aos para que tudo o que Deus lhe tinha mostrado se cumprisse. Da mesma forma, há muito de nós que a muito anos receberam sonhos e visões, mas ainda não se manifestaram. Mas alinhados com o céu declaramos que se inicia um tempo da realização de sonhos e visões.

Quero que saiba que o céu esta conspirando a nosso favor, e proclamando: Quando as trevas e as circunstâncias gritem: cada vez mais longe (dos sonhos e visões), o céu grita cada vez mais perto.    

Novembro é tempo que o destino profético anule as ações dos homens.

… mas enviou um homem adiante deles, José, que foi vendido como escravo.
Machucaram-lhe os pés com correntes e com ferros prenderam-lhe o pescoço, até cumprir-se a sua predição, e a palavra do Senhor confirmar o que dissera.
 Salmos 105:17-19

Havia um destino, profético, traçado por Deus na vida de José e mesmos que muitas circunstâncias adversas se levantaram Deus cumpriu o que ele tinha declarado.

Quero que receba isto como uma palavra de ânimo: recupere a sua esperança, há um destino profético que precisa se manifestar na sua vida e não importam às circunstâncias nem o tempo, Deus cumprira em você aquilo que ele planejou. Seu papel é manter-se firme e confiante.

 

Novembro é tempo de separação.

As bênçãos de seu pai são superiores às bênçãos dos montes antigos, às delícias das colinas eternas. Que todas essas bênçãos repousem sobre a cabeça de José, sobre a fronte daquele que foi separado de entre os seus irmãos. Gênesis 49:26.

Novembro será um tempo de separação. Por um tempo José e seus irmãos estiveram juntos, mas chegou um tempo onde eles foram separados. Novembro será um tempo de separação. Que o Espírito te guie para que possas discernir as coisas que precisas abandonar.

Disse o Senhor a Abrão, depois que Ló separou-se dele: “De onde você está, olhe para o Norte, para o Sul, para o Leste e para o Oeste: Gênesis 13:14

Naquele tempo, o filho nascido de modo natural perseguia o filho nascido segundo o Espírito. O mesmo acontece agora.
Mas o que diz a Escritura? “Mande embora (separe) a escrava e o seu filho, porque o filho da escrava jamais será herdeiro com o filho da livre”. Gálatas 4:29-30

Novembro tua atitude determinara tua grandeza.

O sonho veio ao faraó duas vezes porque a questão já foi decidida por Deus, que se apressa em realizá-la.
Procure agora o faraó um homem criterioso e sábio e coloque-o no comando da terra do Egito.
O faraó também deve estabelecer supervisores para recolher um quinto da colheita do Egito durante os sete anos de fartura. Eles deverão recolher o que puderem nos anos bons que virão e fazer estoques de trigo que, sob o controle do faraó, serão armazenados nas cidades.
Esse estoque servirá de reserva para os sete anos de fome que virão sobre o Egito, para que a terra não seja arrasada pela fome. O plano pareceu bom ao faraó e a todos os seus conselheiros.
Por isso o faraó lhes perguntou: “Será que vamos achar alguém como este homem, em quem está o espírito divino? Disse, pois, o faraó a José: “Uma vez que Deus lhe revelou todas essas coisas, não há ninguém tão criterioso e sábio como você. Você terá o comando de meu palácio, e todo o meu povo se sujeitará às suas ordens. Somente em relação ao trono serei maior que você.
E o faraó prosseguiu: “Entrego a você agora o comando de toda a terra do Egito”.
Em seguida o faraó tirou do dedo o seu anel de selar e o colocou no dedo de José. Mandou-o vestir linho fino e colocou uma corrente de ouro em seu pescoço.
 Gênesis 41:32-42

José após interpretar o sonho de faraó sugeriu que se buscasse um homem capacitado para executar a estratégia para os dias que estavam chegando. Eu pessoalmente gosto muito deste texto, José não se auto-promoveu. Entendo que José sabia que se estas caminhando com Deus e faz o que Deus quer que faças ele mesmo se encarregara de colocar-te no lugar que Deus preparou para ti. Nunca te esqueças que atitudes corretas determinam a tua grandeza interior, e tua grandeza interior te levará a realização do sonho de Deus para tua vida.  

Novembro é tempo de dar importância ao caráter.

É tempo e chegou a hora que entendamos que mais que ser “crente” temos que ter o caráter de Cristo. Tenha presente que só quando manifestemos caráter o Senhor nos estabelecerá na terra.

Tome atenção nisto, quando José declarou seu sonho a seu pai e seus irmãos a sua palavra o colocou dentro dum processo onde Deus trabalharia em seu caráter.

Foi vendido como escravo, seduzido pela mulher de Potifar, esquecido na cadeia. Em cada uma destas etapas Deus estava trabalhando no seu caráter. As trevas, ao ver José passando pelas circunstâncias adversas da vida, gritavam “Cada vez mais longe”. Mas Deus e céu ao ver José metido em cada etapa do processo, note a diferença: não é o mesmo circunstâncias a etapas do processo, gritavam: “Cada vez mais perto de teu destino profético”.

É tempo de manifestar caráter.   

Novembro é tempo de dos filhos menores se posicionarem como primogênitos.

José era o menor de 11 irmãos, mas ele carregava um DNA diferente. Ele era filho da mulher amada, Raquel. Era o menor, mas sobre ele repousou a unção de primogenitura. Aprendo na escritura que primogenitura é uma questão de posicionamento e não uma questão de nascimento. É tempo de que te possas posicionar como primogênito para que a benção da primogenitura posa te alcançar.

Novembro é tempo onde o súbito de Deus se manifestara.

Significado de Súbito

adj. Subitâneo, repentino, inesperado: mudança súbita.
S.m. Acontecimento inesperado; repente.
Adv. Subitamente, repentinamente.
loc. adv. De súbito, subitamente, repentinamente.

E a multidão dos teus inimigos será como o pó miúdo, e a multidão dos tiranos como a pragana que passa, e num momento repentino isso acontecerá. Isaías 29:5

Depois se deitou debaixo da árvore e dormiu. De repente um anjo tocou nele e disse: “Levante-se e coma”. 1ª Reis 19:5

De repente, houve um terremoto tão violento que os alicerces da prisão foram abalados. Imediatamente todas as portas se abriram, e as correntes de todos se soltaram. Atos 16:26

Eu declaro que neste mês o súbito, o de repente, o repentino de Deus vai alcançar a tua vida.

Levante seus olhos e veja o de repente de Deus alcançando a sua vida.

E disse ele: Levanta agora os teus olhos e vê todos os bodes que cobrem o rebanho, que são listrados, salpicados e malhados; porque tenho visto tudo o que Labão te fez. Gênesis 31:12.

Não dizeis vós que ainda há quatro meses até que venha a ceifa? Eis que eu vos digo: Levantai os vossos olhos, e vede as terras, que já estão brancas para a ceifa. João 4:35

Benção sobre José.

A declaração profética sobre José foi a mais longa e a melhor de todas as que Jacó pronunciou sobre seus filhos. Declarou que esta benção se manifestara neste mês sobre a sua vida.

Esta é a palavra de benção de Jacó sobre seu filho José.

“José é uma árvore frutífera, árvore frutífera à beira de uma fonte, cujos galhos passam por cima do muro.
Com rancor arqueiros o atacaram, atirando-lhe flechas com hostilidade.
Mas o seu arco permaneceu firme, os seus braços fortes, ágeis para atirar, pela mão do Poderoso de Jacó, pelo nome do Pastor, a Rocha de Israel, pelo Deus de seu pai, que ajuda você, o Todo-poderoso, que o abençoa com bênçãos dos altos céus, bênçãos das profundezas, bênçãos da fertilidade e da fartura.
As bênçãos de seu pai são superiores às bênçãos dos montes antigos, às delícias das colinas eternas. Que todas essas bênçãos repousem sobre a cabeça de José, sobre a fronte daquele que foi separado de entre os seus irmãos. Gênesis 49:22-26. NVI

Outra versão.

José é como um ramo cheio de frutas, como um ramo frutífero junto de uma fonte. Os galhos desse ramo passam para o outro lado do muro. Guerreiros amargam a vida dele. Atiram flechas nele e o aborrecem. Mas o arco de José continua firme. As mãos do Poderoso de Jacó, sim, as mãos do Pastor e Rocha de Israel dão energia aos braços de José para a ação. É o Deus do seu pai que o ajudará, José. O Todo-poderoso vai abençoar você com bênçãos dos altos céus, com bênçãos dos lugares profundos, e com as bênçãos da maternidade fecunda e cheia de saúde! As bênçãos deste seu pai são muito mais e maiores do que as bênçãos de meus pais. São tantas e tão grandes que é como se chegassem ao topo dos montes eternos. Que estas bênçãos venham sobre a cabeça de José. Sim, pois ele é mais notável do que todos os seus irmãos! Gênesis 49:22-26. Bíblia Viva.

Esta palavra profética abrange varias áreas como veremos a continuação.

 1.   José é uma árvore frutífera…

José é como um ramo cheio de frutas…

Isto se refere não soa fruto espiritual com relação ao caráter pessoal, mas se refere à frutificação em todas as áreas. (22)

2.   Árvore frutífera à beira de uma fonte…

Um ramo frutífero junto de uma fonte

Estar pleno,  abundante e refrigerado com as águas vivas do Espírito. (22)

3.   Cujos galhos passam por cima do muro.

Os galhos desse ramo passam para o outro lado do muro.

Crescimento e aumento mesmo vivendo limites e restrições aparentes. Nada poderá deter o aumento que Deus está liberando sobre a tua vida em este mês. (22)

4.   Com rancor arqueiros o atacaram, atirando-lhe flechas com hostilidade.

Mas o seu arco permaneceu firme, os seus braços fortes, ágeis para atirar, pela mão do Poderoso de Jacó, pelo nome do Pastor, a Rocha de Israel, pelo Deus de seu pai, que ajuda você.

Guerreiros amargam a vida dele. Atiram flechas nele e o aborrecem. Mas o arco de José continua firme. As mãos do Poderoso de Jacó, sim, as mãos do Pastor e Rocha de Israel dão energia aos braços de José para a ação.

Aumento de forças com perseverança até que a benção te alcance. (23 – 24)

5.   O Todo-poderoso vai abençoar você com bênçãos dos altos céus, com bênçãos dos lugares profundos, e com as bênçãos da maternidade fecunda e cheia de saúde! As bênçãos deste seu pai são muito mais e maiores do que as bênçãos de meus pais. São tantas e tão grandes que é como se chegassem ao topo dos montes eternos. Que estas bênçãos venham sobre a cabeça de José. Sim, pois ele é mais notável do que todos os seus irmãos!

 

O Todo-poderoso, que o abençoa com bênçãos dos altos céus, bênçãos das profundezas, bênçãos da fertilidade e da fartura.
As bênçãos de seu pai são superiores às bênçãos dos montes antigos, às delícias das colinas eternas. Que todas essas bênçãos repousem sobre a cabeça de José, sobre a fronte daquele que foi separado de entre os seus irmãos.

Entre as bênçãos dadas a José incluem a benção da família, consortes, filhos.  A benção repousará sobre famílias completas. (25 – 26)

Com amor profeta Dario Hernández Giraldi

Por los Santos e pelo Cordeiro! 

DECRETOS PARA O MÊS DE OUTUBRO

(1ª Parte)

 Estas declarações têm como inspiração o número 10 e a letra YOD (décima letra do alfabeto judaico) e no décimo filho de Jacó: Zebulom, e alguns textos bíblicos onde é mencionado o número 10.

 Salmos onde aparece a letra YOD

Salmos 25:9.

Conduz os humildes na justiça e lhes ensina o seu caminho.

É tempo de sermos conduzidos por Deus em justiça, pelo que é justo, e de caminharmos de maneira digna: com humildade e submissão.

 Salmos 34:10.

Os leões podem passar necessidade e fome, mas os que buscam o Senhor de nada têm falta.

É tempo de buscar ao Senhor para que a provisão de Deus nos alcance. Temos que entender que a nossa fonte de recursos é o nosso Deus. Chamemos a existência ao Deus da nossa provisão.

 
Salmos 37:18 – 19
.

O Senhor cuida da vida dos íntegros, e a herança deles permanecerá para sempre. Em tempos de adversidade não ficarão decepcionados; em dias de fome desfrutarão fartura.

Uma pessoa integra, é uma pessoa verdadeira, justa, que conduz a sua vida pelos valores e princípios do reino. A estes o Senhor cuidará a sua herança, em tempos de adversidade o Senhor será seu porto seguro e em dias de necessidades o Senhor será a nossa provisão. É tempo de Integridade.

 
Salmos 111:6.

Mostrou ao seu povo os seus feitos poderosos, dando-lhes as terras das nações.

É tempo de ousadia, é tempo de tomar posse daquilo que nos pertence: as nações da terra. 

Salmos 112:6.

O justo jamais será abalado; para sempre se lembrarão dele.

O justo no dia do abalo estará seguro. O justo será lembrado por Deus e por todos aqueles que foram alcançados, beneficiados pelos seus atos de justiça.

 
Salmos 119:74-80.

Medite nas estrofes deste salmo e deixe que o Espírito Santo ministre seu interior.

 

Salmos 145:10.

Rendam-te graças todas as tuas criaturas, Senhor; e os teus fiéis te bendigam. 

É tempo de render graças ao Senhor e exaltar o seu nome.

Levítico 25:9

Então façam soar a trombeta no décimo dia do sétimo mês; no Dia da Expiação façam soar a trombeta por toda a terra de vocês.

É tempo de pedir perdão e de perdoar. É tempo de sair da prisão da falta de perdão. 

Josué 4:19

No décimo dia do primeiro mês o povo subiu do Jordão e acampou em Gilgal, na fronteira leste de Jericó.

É tempo de ir além, de cruzar fronteiras, superar as nossas limitações e de nos estabelecer, acampar, tomar posse daquilo que Deus nos deu.

 
Juízes 6:27.

Assim Gideão chamou dez dos seus servos e fez como o Senhor lhe ordenara. Mas, com medo da sua família e dos homens da cidade, fez tudo de noite, e não durante o dia.

É tempo de reunir a nossas forças para realizar aquilo que Deus nos encomendou fazer. Não necessariamente reunir pessoas, mas reunir força, coragem, disposição, dentro de nós para executar a ordem de Deus. Lembre-se que há coisas que só você pode fazer.

1ª Samuel 17:17

Nessa ocasião Jessé disse a seu filho Davi: “Pegue uma arroba de grãos tostados e dez pães e leve-os rapidamente para seus irmãos no acampamento.

Davi foi enviado pelo seu pai para levar provisões a seus irmãos que faziam parte do exercito de Saul. Nestes dias a voz de Deus ecoara no teu interior para que leve provisão a teus irmãos que fazem parte de outro exercito, porem estão pelejando a mesma luta. Neste mês seja o menino dos mandados de Papai e leve provisão para aquele soldado que precisa.

 
Daniel 1:14.

Ele concordou e fez a experiência com eles durante dez dias.

É tempo de desafio, Daniel desafiou, ousou e depois de 10 dias Daniel e seus amigos estavam mais forte, mas inteligentes que os outros jovens. É tempo de desafiar, de ousar. Atreva-se, Deus esta com você! 

Mateus 25:1

“O Reino dos céus, pois, será semelhante a dez virgens que pegaram suas candeias e saíram para encontrar-se com o noivo.

É tempo de ter azeite suficiente nas nossas lamparinas para nos encontrar com o noivo. Lembre-se não e só ter azeite, a que ter azeite suficiente.

 

Zebulom, décimo filho de Jacó

 Gênesis 30:20

Disse Lia: “Deus presenteou-me com uma dádiva preciosa. Agora meu marido me tratará melhor; afinal já lhe dei seis filhos”. Por isso deu-lhe o nome de Zebulom. 

Zebulom significa: exaltado, honrado, habitado.

 Gênesis 49:13

“Zebulom morará à beira-mar e se tornará um porto para os navios; suas fronteiras se estenderão até Sidom.

 Um beneficiário das riquezas marítimas. A terra de Zebulom (Juízes 19: 10 – 16) estavam perto do porto de Sidom (Atual Líbano) e dos termos de Aser, o que lhe permitia usufruir o comercio marítimo ou absorver a abundancia dos mares (Deuteronômio 33:19).

Juízes 5:14. De Zebulom, os que levam a vara de oficial. 

Juízes 5:18. O povo de Zebulom arriscou a vida; como o fez Naftali nas altas regiões do campo. 

Seus valentes detinham a vara de comando ao custo da própria vida.

 1ª Crônicas 12:33.

Da tribo de Zebulom, 50. 000 soldados experientes, preparados para guerrear com qualquer tipo de arma, totalmente decididos a ajudar Davi… 

Soldados experientes, preparados, qualificados, e especializados em tudo tipo de armamento. Animados e resolutos, ou seja, peritos, especialistas, que operavam em unidade. 

O estandarte de Zebulom tinha um barco, simbolizando suas habilidades comerciais.

DECRETOS PARA O MÊS DE SETEMBRO

Estas declarações têm como inspiração o número 9 e a letra Tetê/ Teth (nona letra do alfabeto judaico) e o nono filho de Jacó: Issacar, e alguns capítulos 9 e versículos 9.

Salmos 119:65

Trata com bondade o teu servo, Senhor, conforme a tua promessa.

 

Salmos 119:66

Ensina-me o bom senso e o conhecimento, pois confio em teus mandamentos.

 

Salmos 119:68

Tu és bom, e o que fazes é bom, ensina-me os teus decretos.

 

Lamentações (Jeremias) 3:25-26

O Senhor é bom para com aqueles cuja esperança está nele, para com aqueles que o buscam. É bom esperar tranqüilo pela salvação do Senhor.

Gênesis 9:9

Vou estabelecer minha aliança com vocês e com os seus futuros descendentes.

Precisamos deixar legados de reino para a próxima geração.

 

Deuteronômio 9:9

Quando subi o monte para receber as tábuas de pedra, asa tábuas da aliança que o Senhor tinha feito com vocês, fiquei no monte 40 dias e 40 noites; não comi pão e nem bebi água.

Estar com Deus e saber sua vontade deve ser mais importante do que qualquer coisa.

Juízes 9:9

A oliveira, porém, respondeu: Deveria eu renunciar ao meu azeite, com o qual se presta honra aos deuses e aos homens, para dominar sobre as árvores?

O que há de melhor em nós primeiro é pra servir e depois usufruir. Nem sempre vamos usufruir como esperamos, mas temos que servir sempre; isso é reino.

 

2ª Samuel 9:9

Então o rei convocou Ziba e disse: Devolvi ao neto de Saul, seu senhor, tudo o que pertencia a ele e a família dele.

Restituição das perdas causadas por alguma situação que te alejou durante anos.

 

Esdras 9:9

Vivíamos como escravos, mas o nosso Deus não nos abandonou na escravidão. Ele tem sido bondoso para conosco diante dos reis da Pérsia: ele nos deu vida nova para reconstruir o templo do nosso Deus e levantar sua ruínas, e nos deu um muro de proteção em Judá e em Jerusalém.

Deixar a mentalidade e o comportamento de escravos e viver a liberdade de filhos do reino é a chave para que as ruínas do corpo, alma e espírito sejam reconstruídas.

 

Salmos 9:9

O Senhor é refúgio para os oprimidos, torre segura na adversidade.

Em tempos de adversidade o melhor lugar para estar é com o Senhor e parar de fugir refugiando em lugares e situação que poderá oprimi-los muito mais.

 

Salmos 99:9

Exaltem o Senhor, o nosso Deus; prostrem-se voltados para o seu santo monte, porque o Senhor, o nosso Deus é santo.

É tempo de exaltar a santidade do Senhor deixando tudo o que a contamina (comportamentos, palavreado, relacionamentos, amizades, conduta, programações, etc)

 

Zacarias 9:9-10

Alegre-se muito, cidade de Sião! Exulte, Jerusalém! Eis que o seu rei vem a ti, justo e vitorioso, humilde e montado num jumento, um jumentinho, cria de jumenta. Ele proclamará paz as nações e dominará de um mar a outro.

É tempo de usufruir dos benefícios de ter Jesus como Rei e Senhor.

 

Mateus 9:9

Saindo Jesus viu um homem chamado Mateus, sentado na coletoria; e disse-lhe: “Siga-me”. Mateus levantou-se e o seguiu.

É tempo de sair da zona de conforto; de ficar parado só recebendo (coletoria). É tempo de levantar-se e encarar o novo seguindo Jesus sem medo. Levantar=deixar o estado anterior e responder positivamente aos comandos. Seguir = abrir mão de tudo o que eu domino sozinho e depender completamente dele.

 

João 9:9

Alguns afirmavam que era ele. Outros diziam: “não, apenas se parece com ele”. Mas ele próprio insistia: “Sou eu mesmo”, eu era cego de nascença e vivia mendigando. (grifo do autor)

É tempo de passar a enxergar o que nunca se enxergou antes e deixar de mendigar.

 

2ª Coríntios 9:9

Distribuiu, deu os seus bens aos necessitados; a sua justiça dura para sempre.

É tempo de se preocupar mais em dar do que em receber.

 

2ª João 9

Todo aquele que não permanece no ensino de Cristo, mas vai além dele, não tem Deus; quem permanece no ensino tem o Pai e também o Filho.

É tempo de firmar convicções, não podemos nos remover delas por causa das circunstâncias.

 

Judas 1:9

Contudo, nem mesmo o arcanjo Miguel, quando estava disputando com o diabo acerca do corpo de Moisés, ousou, fazer acusações injuriosa contra ele, mas disse: “ O Senhor te repreenda.”

É tempo de abandonar toda murmuração, calúnia, acusação, difamação, injúria, “picuinha”, “disse-me-disse”, confusão, blasfêmia, fofoca, etc.

Pra. Telma Coelho.

2ª PARTE

Já estamos vivendo o mês de setembro

Nestes dias gostaria de compartilhar com vocês uma palavra para este mês.

O mês de setembro é o nono mês do ano, e o número 9 está presente através da bíblia toda.

Quero tomar dois pontos, que considero importante a destacar neste mês: o nono mês.

Quero tomar a Issacar, nono filho de Jacó como referencia.

 

Genesis 30: 18.

Então disse Lia: Deus me tem dado o meu galardão, pois tenho dado minha serva ao meu marido. E chamou-lhe Issacar.

O nome Issacar significa trabalhador alugado, vem do hebraico composto de dois termos, “homem e salário”, significa recompensa, galardão, ou “Deus me recompensou”.

Gênesis 49: 14 – 15.

“Issacar é um jumento forte, deitado entre as suas cargas. Quando ele perceber como é bom o seu lugar de repouso e como é aprazível a sua terra, curvará seus ombros ao fardo e se submeterá a trabalhos forçados.

Jumento forte, deitado entre as suas cargas

Esta primeira declaração refere-se à prosperidade que acompanha aos profetas, por onde o profeta passa atrai prosperidade. O desafio a realizar um estudo sobre Elias e Eliseu, e comprovar como a prosperidade seguia estes profetas.

Quando ele perceber como é bom o seu lugar de repouso e como é aprazível a sua terra, curvará seus ombros ao fardo e se submeterá a trabalhos forçados.

Esta segunda afirmação fala de seu espírito de renuncia e serviço de esta tribo, mesmo encontrando na sua terra descanso, se submete e está disposto a sair da sua zona de conforto para cumpri a vontade do eterno.

Deuteronômio 33: 18 -19.

A respeito de Zebulom disse: “Alegre-se, Zebulom, em suas viagens, e você, Issacar, em suas tendas.

“Eles convocarão povos para o monte e ali oferecerão sacrifícios de justiça; farão um banquete com a riqueza dos mares, com os tesouros ocultos das praias”.

Neste texto a tribo de Issacar aparece junto a tribo de Zebulom. Estas dois tribos apontam para a provisão de deus, Issacar e Zebulom desfrutaram da abundancia dos mares, e dos tesouros escondidos na areia.

 

Juízes 5: 15.

Os líderes de Issacar estavam com Débora; sim, Issacar também estava com Baraque, apressando-se após ele até o vale. Nas divisões de Rúben houve muita inquietação.

Esta tribo se destacou na guerra contra Jabim e Sisera, e Débora os parabenizou pelo seu valor.

Entendo por revelação que Débora representa os profetas, já que ela era uma profetiza. A expressão Issacar também estava com Baraque, aponta para uma equipe apostólica e profética, já que, Barac é o que comanda o exercito, ou seja, o apostolo.

 Ezequiel 48:33.

“No lado sul, que tem dois mil e duzentos e cinqüenta metros de comprimento, haverá três portas: a de Simeão, a de Issacar e a de Zebulom.

Esta declaração me disse que Issacar é uma porta. Porta é aceso, e todo aceso me leva a um lugar. Creio que há uma dimensão profética que devemos acessar. E é o oficio profético o que deus nos tem dado para alcançar esta dimensão e trazer, para o tempo presente, todos os recursos proféticos que a igreja necessita.

Com base em 1ª Crônicas 12:32 este texto declara que os filhos de Issacar eram:

 

  1. 1.   Entendidos nos tempos.

Entender tempo é uma tarefa altamente profética.

Gênesis 1: 14.

Disse Deus: “Haja luminares no firmamento do céu para separar o dia da noite. Sirvam eles de sinais para marcar estações, dias e anos…

Este texto declara que Deus colocou luminares no firmamento como sinais, isso quer dizer que Deus usa sinais para determinar tempos e estações sobre a terra. Assim como nos dias do nascimento de Jesus, uma estrela anunciou seu nascimento. Nos nossos dias, Deus tem colocado sinais para que possamos entender o tempo que vivemos. Os filhos de Issacar entendiam estes sinais. Entendo que nestes dias os filhos de Issacar são os profetas que deus tem levantado. Não é gente que se dedica só a profetizar e quase sempre sem nenhuma responsabilidade do que declaram. Aos profetas que me refiro: são homens e mulheres que temem a Deus e a sua Palavra, homens de caráter e responsáveis pelas palavras que deus lhes ordena declarar. Homens que entendem o tempo que vivem.

  1. 2.   Sabiam o que Israel tinha que fazer.

Este segundo aspecto indica que quem sabe o tempo também sabe a maneira de se comportar. Quando apostolo Paulo ora para que os cristãos da igreja de Éfeso (1:17) receberam da parte de Senhor espírito de sabedoria e revelação , o que ele esta pedindo é que saibam o que fazer (através  da sabedoria)e  quando e como fazê-lo (através da revelação). Isto quer dizer que pela sabedoria sabemos o que fazer, mas através da revelação sabemos o como e o quando, agora o “quando” está diretamente ligado com tempo.

Eclesiastes 8: 5.

Quem obedece às suas ordens não sofrerá mal algum, pois o coração sábio saberá a hora e a maneira certa de agir.

A habilidade de discernir tempos lhes dava à autoridade de indicar, a Israel, a meneira de agir num tempo determinado.

Quero que entenda esta chave de reino: Quem sabe o tempo determina o comportamento. Estão-se estamos vivendo um novo tempo, tem que mudar o nosso comportamento.

Quero usar um tempo oportuno para este momento. As estações do ano marcam tempo e clima. Nesta oportunidade vou usar só duas para ilustrar o que quero dizer: O inverno se caracteriza por ser uma estação mais fria e em contraste o verão, como uma estação muito quente. Cada estação determina o vestuário que devemos usar. Em inverno usamos roupas pesadas: blusas de lã, xaquetas, tocas, luvas, cachecol, etc. já que, precisamos manter o corpo aquecido. No verão, já não precisamos de toda esta roupa, precisamos roupas mais leves, já que, não é a mesma estação.

Cantares 2: 11 – 13.

Veja! O inverno passou; as chuvas acabaram e já se foram.

Aparecem flores sobre a terra, e chegou o tempo de cantar; já se ouve em nossa terra o arrulhar dos pombos.

A figueira produz os primeiros frutos; as vinhas florescem e espalham sua fragrância. Levante-se, venha, minha querida; minha bela, venha comigo.

Agora que você pensaria se um certo dia muito quente, de uns 42 graus, aparece uma pessoa vestindo: toca, luvas, cachecol, abrigo, sobretudo… Enquanto as outras pessoas andam de bermudas, camiseta, e chinelo. Penso eu, que esta cena tem duas respostas: Essa pessoa ignora a estação, o tempo que esta vivendo ou esta doente.

A Bíblia em muitos lugares nos fala de roupa, de usar a roupa alinhada com o tempo que se vive. Agora bem, deixe-me aplicar tudo isto. Há igrejas, pessoas que não sabem o tempo que vivem e por esta razão estão usando roupa a inadequada.

Assim como seria estranho ver uma pessoa baixo 42º de calor vestindo roupa de inverno, me é estranho encontrar Iglesias, irmão, pessoas ignorando o tempo que vivemos. Quando me deparo com esta situação tenho duas impressões: Esta igreja esta doente e por esta razão não entende o tempo que vive.

Esta é a razão pela qual se faz necessário que os filhos de Issacar apareçam. Que apareçam os profetas!

  1. 3.   E todos os seus irmãos sob suas ordens.

Os filhos de Issacar eram príncipes que exerciam influencia sobre seus irmãos. Agora, para exercer influencia sobre alguém devemos ter autoridade, e esta autoridade é adquirida pela vida que vivemos, pelo nosso caráter. Entendo que os filhos de Issacar, dos nossos dias, são homens que testemunha com sua vida e seu caráter a autoridade que o oficio lhes outorga. É tempo de manifestar caráter! É tempo do que o caráter se sobreponha ao carisma! É tempo de ser cordeiro antes de querer rugir como leãoÁ conclusão que chego é que: o tempo que estamos vivendo é altamente profético. É tempo de que a igreja adquira as características da tribo de Issacar. Já que, este é o tempo, o nosso tempo!

Profeta Darío Hernández Giraldi 

Decretos Proféticos a serem declarados no mês de Julho.

Estas declarações têm como inspiração o número 7 a letra ZAYIN (sétima letra do alfabeto judaico) e o sétimo filho de Jacó: Gade, e alguns capítulos 7 e versículos 7.

Levante a sua voz e declare: É chegado o 7 mês!

As seguintes declarações têm como inspiração salmos que formão acrósticos com as letras do alfabeto judaico. Os versículos mencionados correspondem à letra ZAYIN, sétima letra do alfabeto.

Salmos 25:6. Lembra-te, Senhor, da tua compaixão e da tua misericórdia, que tens mostrado desde a antigüidade.

É tempo de declarar que se faça presente na nossa vida, na nossa família a compaixão e a misericórdia de Deus.

Salmos 34:7. O anjo do Senhor é sentinela ao redor daqueles que o temem, e os livra.

É tempo de declarar que se faça presente na nossa vida, na nossa família a proteção angelical com o propósito de nos livrar de todo mal, de todo perigo, de todo acidente.

Salmos 37: 12 – 13. Os ímpios tramam contra os justos e rosnam contra eles; o Senhor, porém, ri dos ímpios, pois sabe que o dia deles está chegando.

É tempo de declarar que o Senhor se rira dos nossos inimigos por que seu dia, o dia de nos burlar dos nossos inimigos, está chegando.

Salmos 111:4b. O Senhor é misericordioso e compassivo.

É tempo de declarar que se faça presente na nossa vida, na nossa família a compaixão e a misericórdia de Deus.

Salmos 112: 4. Aos justos nasce luz nas trevas; ele é piedoso, misericordioso e justo.

É tempo de declarar que se faça presente na nossa vida, na nossa família que nasce a luz em meio às trevas, que as trevas estão indo embora e é chegado um novo dia.

Salmos 145:7

Proferirão abundantemente a memória da tua grande bondade, e cantarão a tua justiça.

É tempo de nos lembrar da bondade do Eterno, é tempo de cantar porque ele tem sido justo.

Gênesis 1:7. E fez Deus a expansão, e fez separação entre as águas que estavam debaixo da expansão e as águas que estavam sobre a expansão; e assim foi.

É tempo de declarar separação entre o santo e o profano, entre o puro do impuro. Tempo de separação.

Gênesis 7:7. Noé entrou na arca, e com ele seus filhos, sua mulher e as mulheres de seus filhos, por causa das águas do dilúvio.

É tempo de introduzir a nossa família na arca, que sinaliza Jesus. É tempo de introduzir, de ensinar e de viver a vida de Jesus na nossa família.

Josué 7:7. E disse Josué: Ah! Senhor Deus! Por que, com efeito, fizeste passar a este povo o Jordão, para nos entregares nas mãos dos amorreus para nos fazerem perecer? Antes nos tivéssemos contentado em ficar além do Jordão!

É tempo de indagar a razão porque algumas coisas da nossa vida não funciona. É tempo de fazer avaliação das áreas da nossa vida que não estão funcionando.

Juízes 7:7. E disse o SENHOR a Gideão: Com estes trezentos homens que lamberam as águas vos livrarei, e darei os midianitas na tua mão; portanto, todos os demais se retirem, cada um ao seu lugar.

É tempo de teste. É tempo de descer as águas e beber delas, mas não podemos beber de qualquer jeito. É tempo de ser aprovado. É tempo de fazer parte dos 300 que Deus esta levantando neste tempo.

1ª Samuel 7:7. Ouvindo, pois, os filisteus que os filhos de Israel estavam congregados em Mizpá, subiram os maiorais dos filisteus contra Israel; o que ouvindo os filhos de Israel, temeram por causa dos filisteus.

É tempo de congregar-se em Mizpa. (Vamos buscar revelação)

1ª Reis 7:7. Também fez o pórtico para o trono onde julgava, isto é, o pórtico do juízo, que estava revestido de cedro de soalho a soalho.

É tempo de juízo. Lembrando que a palavra juízo tem a conotação de ordem. O texto declara que se nos abriu um acesso (pórtico) de ordem (juízo). É tempo de colocar em ordem as áreas da nossa vida, ou pedir ao Espírito Santo que ordene as áreas bagunçadas da nossa vida. Por que uma porta de acesso à ordem se nos abriu. Não esqueça que onde há ordem há benção. Anele ordem em sua vida , já que, esta ordem atrairá sobre você, sobre a sua família a benção.

Ester 7:7. E o rei no seu furor se levantou do banquete do vinho e passou para o jardim do palácio; e Hamã se pôs em pé, para rogar à rainha Ester pela sua vida; porque viu que já o mal lhe estava determinado pelo rei.

É tempo de decretar que o mal que foi maquinado pelos nossos inimigos se voltara contra eles. É tempo de decretar que nosso rei, Jesus se levanta com furor em contra dos nossos inimigos.

Gade o sétimo filho de Jacó

Gênesis 30:11. Seu nome significa: boa sorte, boa fortuna, afortunado.

É tempo de declarar que a boa fortuna do Senhor há de se manifestar nas nossas vidas.

Deuteronômio 33: 20 – 21. O melhor da terra! Gade escolheu para si a melhor parte, ou seja, a porção de um filho honrado. Era uma tribo de iniciativa, tendo marchado adiante das demais para cumprir os desígnios do Senhor e suas decisões para com Israel.

É tempo de rejeitar as migalhas e escolher a melhor parte. É tempo de rejeitar o ativismo e sentar-nos aos pés do mestre Jesus para ser instruído a exemplo de Maria que escolheu a melhor parte.

1ª Crônicas 12: 37. Manejavam todo tipo de armas.

É tempo de descobrir as nossas armas, as quais são espirituais e não carnais, praticar com elas e nos tornar peritos no manuseio delas.

É tempo de declarar que na tribo Ninho das Águias manejaremos todas as armas que Deus nos entregou.

O estandarte de Gade tinha tendas. Genesis 49:19.

É tempo de declarar a benção de Deus na nossa tenda (casa, família).

Pois contra Jacó (tenda) não vale encantamento, nem adivinhação contra Israel; neste tempo se dirá de Jacó e de Israel: Que coisas Deus têm realizado! Números 23:23.

Filhos, Amigos, Irmãos…

Sintan-se Abençoados neste mês, o sétimo mês!

Em amor vosso Pai, Amigo e irmão Dario Hernández

Anúncios

Um comentário sobre “Decretos – DEZEMBRO

  1. Os decretos tem sido uma grande benção de deus pra minha vida e pra vida da igreja de Cristo. Que o eternos te de a unção e graça para permanecer nesse propósito maravilhoso. Aguardamos os decretos de novembro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s